Anúncio Superior

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Geyse Arruda inspira Coleção - Mais um tapa na pseudo-elite classista

Minha Opinião:
Mais uma porrada na cara de determinados "classe média" de São Paulo, que se julgam o que há de melhor em têrmos de gente descolada e antenada. Daqueles que se imaginam "elite" e que trazem consigo uma visão classista de mundo e sentem-se melhores e acima dos demais. Que São Paulo é o ápice do classismo, racismo e separatismo não restam dúvidas.

Está aí mais um chute no traseiro de rapazes ignorantes e garotas invejosas que aderiram ao côro preconceituoso que entoava o canto de "prostituta" em direção á ex-aluna da UNIBAN, Geyse Arruda.

O que estarão pensando agora aqueles e aquelas algozes que a insultaram levianamente naquela noite?
A esses fica o meu lamento. A ela, meus parabéns e sinceros desejos de SUCESSO!

Vestido de Geisy Arruda inspira coleção e vai para as lojas

  Foto: Ivan Pacheco /Terra Geisy Arruda lançou sua coleção Rosa Divino no Hotel Cambridge

Fabiano Rampazzo
Aonde Geisy vai parar? Ontem à noite, em evento no Hotel Cambridge, região central de São Paulo, Geisy Arruda lançou sua grife de roupa, Rosa Divino, com seis peças inspiradas no famoso e polêmico vestidinho curto da Uniban. Desta vez, contudo, em vez de desfilar sob xingamentos dos alunos nos corredores da faculdade, Geisy recebeu algo bem diferente: flashes, dezenas de fotógrafos, luzes, câmeras, microfones e assédio de fãs.

"É incrível tudo o que está acontecendo", disse ela que, apesar de ser a estrela da noite, trouxe para a passarela sua mãe, tias e primas, todas usando algum dos modelos da coleção."A moda que eu quero lançar é esta, para a dona de casa, a mulher que trabalha, que dá duro, eu quero vestir a mulher brasileira". Será que teremos em breve um monte de "Geisys" andando pelas ruas?

Todos os modelos foram desenhados a partir de idéias da própria loira. "Ela tem a personalidade muito forte, tudo que estamos vendo aqui tem o dedo dela", comentou Luana Bandeira, uma das assessoras de Geisy. Alexandre Frota e o ex-BBB Kléber Bambam compareçam ao evento.

Os vestidos serão vendidos a partir da próxima segunda-feira apenas para o atacado com o preço variando entre R$ 49 e R$ 69. "Acredito que ele chegará às lojas com o preço final entre R$ 120 e R$ 150", comentou Luana. Tendo como ponto de partida o famoso vestido, seis modelos com tamanhos em P, M e G foram elaborados, todos bem curtinhos.

Da lama à fama
"Ela pegou um limão e fez uma limonada". Assim definiu Cássia Cunha, estudante de 24 anos e ex-colega de faculdade de Geisy. Ela, que estava presente no dia do linchamento moral que Geisy sofreu na Uniban, disse que aqueles que xingaram a loira hoje ironizam seu sucesso, dizendo ser apenas 15 minutos de fama. "Só que bem mais de 15 minutos se passaram e ela está aí ainda, nem ex-BBB deu o salto que ela deu, eles têm é muita inveja dela, isso sim", completa a amiga.

Há cerca de um ano Geisy Arruda foi achincalhada publicamente em sua faculdade por ir à aula com vestido curto, teve o episódio publicado em vídeos na Internet e rapidamente estampou capas de sites e revistas. Ficou famosa. Ganhou então uma repaginada estética com tratamentos de beleza e cirurgias plásticas, desfilou como madrinha de bateria em escolas de samba, foi estrela do carnaval em Salvador e protagoniza hoje um reality show na TV. Aonde Geisy vai parar? "Na novela das 9 da Record", disse ela, sem querer se aprofundar no assunto. "Você me perguntou qual seria o próximo passo, eu estou só respondendo", completou a ex-estudante e agora estilista/empresária Geisy Arruda.

3 comentários:

  1. Assino embaixo o que voce escreveu sobre a Deisy, Paulo. Sucesso para a Deisy.

    ResponderExcluir
  2. concordo com ela, tudo bonito, tem que se mostra!!

    ResponderExcluir